Não sabe o seu
numero de eleitor?
Não sabe o seu numero de eleitor?
Aceda ao site do Ministério da Administração Interna.
Consulte aqui!
Balcão Virtual
não perca tempo.
Balcão virtual
Aqui pode tratar de todos os assuntos relativos à Junta!
Consulte aqui!
Fotos
visite a galeria.
Galeria de fotos
Visite a galeria de fotos e surpreenda-se!
Consulte aqui!
Newsletter
subscreva já!
 
Como classifica o site da Junta de Freguesia?
 





Património

MARCOS OU MALHÕES
As terras de Aguada de Cima estão demarcadas desde, pelo menos 1520, por marcos (em pedra) e malhões (montes de terra)que ainda hoje são mantidos.


PELOURINHO
O Foral Manuelino data de 1514. Existem fragmentos do pelourinho original, que estão depositados no Museu Santa Joana em Aveiro e demonstra que este tinha o emblema universitário. Em 2007 foi construída uma réplica deste mesmo pelourinho que está implantada numa praceta criada para o efeito no centro cívico.


IGREJA MATRIZ
Reconstrução de 1711, data gravada, dá o ano médio da reconstrução. Escultura de mérito é a imagem da Virgem e do Menino de calcário e de oficina coimbrã da primeira metade de séc. XV. Do meado do mesmo séc. é a imagem de Sta. Luzia.
Colunas em talha torcidas e de parras, ao meio pilastras misuladas com crianças atlantes.
Excepcional é o púlpito, tratado em calcário ançanense, do séc. XVIII.


CAPELA DAS ALMAS DA AREOSA
Constitui um ex-libris turístico e religioso. A capela das Almas da Areosa, no sítio da Areosa, levanta-se a cerca de um quilometro para sudoeste do núcleo da freguesia, rodeada de velhas árvores e em cujo terreiro se faz feira mensal. As paredes são espessas para suportarem a abobada, as cantarias no grés regional de tonalidade branca. O corpo octogonal é acrescido de capela-mor rectangular. Cobre o octógono de oito panos, separados nos ângulos por cintas que se erguem das pilastras inferiores. Tanto o retábulo principal como os dois laterais pertencem à segunda metade de século XVIII.